La parrilla del Mercado: una casa Uruguaya!

Cortes uruguaios à lenha com cerveja congelante, a fórmula de sucesso da casa! 

A casa, montada dentro de um box no último andar da Cadeg, conta com um legítimo uruguayo (Gabriel Mosca, egresso do Don Pascual) à frente da poderosa grelha à lenha e ferro no preparo de diversos cortes.

IMG_5757.JPG

O ambiente é simples, com várias mesas e cadeiras dispostas pelo próprio corredor do Centro de Abastecimento do Estado da Guanabara, vulgo Cadeg.

IMG_5762.JPG

O cardápio não é muito extenso, e sua especialidade são suas parillas, para 2 (R$ 136, 750gr), 3 (R$ 195, 1100gr) e 4 pessoas (R$ 248, 1500gr). Elas vêm acompanhadas por 2, 3 e 4 acompanhamentos respectivamente, todos à escolha do cliente.

IMG_5761.JPG

Optamos pela parillada de 2, que vém com Asado de Tira (Costela cortada na transversal), Bife de Chorizo (parte traseira do Contra-Filé), Picanha, Vacío (Fraldinha), Linguiça Premium e Frango dessosado. De acompanhamento fomos de farofa de ovos e legumes grelhados.

IMG_5772.JPG

Enquanto aguardávamos, pedimos um cerveja também uruguaia, a Norteña. Poucas vezes bebi um cerveja tão gelada no Rio de Janeiro.

IMG_5759.JPG

A primeira garrafa tive de trocar porque congelou, e a segunda tomei com muito cuidado para não ocorrer o mesmo. De doer o cérebro.

IMG_5774.JPG

Informação pra papo de bar: algumas pessoas não sentem o cérebro doer quando bebem algo muito gelado pois isso é um fator genético, uns sentem e outros não. E enquanto eu lutava pra balancear a dor de cabeça e a vontade de beber, chegou o prato.

Uma pintura. Ogra. Um prato incrivelmente apetitoso, bonito, desproporcional e desengonçado. Perfeito.

IMG_5770.JPG

Em contrapartida os acompanhamentos chegaram em porções bem acanhadas. Talvez desse pra 1. Os legumes…

IMG_5764.JPG

E a farofa de ovos.

IMG_5766.JPG

Todas as carnes estavam muito suculentas e bem temperadas. Literalmente um prato cheio.

O barato da cadeg é que depois de comer, há uma infinidade de lojas de vinhos e cervejas artesanais para flanar. Sempre com alguma coisa nova e interessante. E dali saiu um vinho africano, da Tunísia. Em breve conto como é.

 

Vai, conta aqui o que você achou disso

%d blogueiros gostam disto: