DaDo Bier retorna aguçando a memória afetiva dos cariocas!

Sim, eu sei que você lembra. Sim, eu também sei que você fez noitada lá. Assim como eu também sei que toda vez que você entrava no  Galeria Gourmet se lembrava daquele lugar. E até participava da comunidade no orkut “EU AMAVA O DADO BIER DOWNTOWN!”. As cervejas DaDo Bier estão incríveis e prometem buscar seu espaço de direito no coração dos cariocas!

E ontem foi dia de lançamento cervejeiro no Nook Bier!

DADO-BIER-CERVEJAS

Ou melhor, de relançamento! Um time de peso da Dado Bier está no Rio para divulgar a parceria com a nova distribuidora, esbanjando vontade de atingir esse mercado que desde 1998 tem uma forte memória afetiva com a marca.

Em 1995 nascia em Porto Alegre a 1ª Microcervejaria do Brasil. E em 1998 foi inaugurada uma casa Dado Bier no Downtown aqui no Rio de Janeiro. Local que ainda permanece com saudosismo na memória de muitos cariocas hoje na casa dos 30 anos.

A Dado Bier do Downtown foi lugar de muita badalação, festas e claro, cerveja. Não como elas estão hoje, em 2006 foram desenvolvidas as cervejas especiais da marca.

Conversei bastante com os distribuidores que assumiram a tarefa de devolver aos cariocas saudosos o prazer de relembrar os velhos tempos com ótimas cervejas. E tem muita coisa boa vindo por aí!

AswEt7L_3nGx6RWnHF0mQj3ydbk6t3pAYqxmEc17QpDs

O Mestre-Cervejeiro da DaDo Bier é Carlos Bolzan que ocupa há quase 10 anos a responsabilidade de dar vida aos projetos da marca.

E na comemoração de 20 anos da marca gaúcha, um presente para os cariocas. Eles prometem buscar seu espaço no Rio de Janeiro. E de vanguarda os caras entendem já que ocupam o posto de 1ª Microcervejaria do Brasil e  é a primeira cervejaria brasileira a seguir o Reinheitsgebot, Decreto de Pureza da Baviera.

E o que mais me empolgou durante toda a apresentação da marca foi o fato de cerveja e gastronomia andarem de mãos dadas durante todo o processo produtivo. E o mais interessante, todas as cervejas são gastronômicas. Isto é, são cervejas lineares e equilibradas que tem perfeita flexibilidade de harmonização, principalmente pelo fato da DaDo Bier ter toda essa conexão com seus restaurantes.

CARLOS-BOLZAN-MESTRE-CERVEJEIRO-DADO-BIER

Carlos Bolzan nos explicou toda metologia e filosofia cervejeira da DaDo Bier, e é sempre bom ver o orgulho estampado no rosto de quem trabalha com o que ama.

Então vamos a elas?

DaDo Bier Original 

DADO-BIER-PILSEN-LAGER

Começamos pela mais “mainstream” como o próprio Bolzan comentou. Uma American Standard Lager com amargor mais elevado que as pilsen tradicionais do mercado nacional. O aroma do lúpulo é mais pronunciado, resultado do DryHopping. Ela é inspirada na primeira cerveja produzida pela DaDo Bier em 1995. Essa é a única da linha que não é 100% puro malte, mas em uma proporção bem pequena de 80-20. Uma cerveja bem leve, refrescante e saborosa com seus 5% de álcool. Equilibrada e com excelente drinkability.

DaDo Bier Ilex

ILEX-DADO-BIER
O copo é um charme a parte

Taí uma cerveja BEM diferente. A Ilex é uma Herb Beer feita em homenagem aos gaúchos tchê! É a primeira cerveja do mundo produzida com Ilex paraguariensis, a famosa erva-mate, utilizada no preparo do chimarrão típico da região do Pampa. Medalha de ouro no South BeerCup tem aroma bem vegetal e claro, da erva mate. Boa espuma, não é filtrada e leva trigo. E sim, é uma lager. Uma belíssima cor dourada. Uma cerveja bem leve e com um dulçor no final de boca.

DaDo Bier Weiss

WEISS-DADO-BIER-03

Essa para mim foi o ponto alto da noite. Eu não sou muito fã de Weiss. Gosto mais das cervejas encorpadas, alcoólicas, robustas e amargas. Mas já no aroma ela prendeu minha atenção.

Uma German Hefe Weiss muito aromática, com excelente formação e duração de espuma, e bela cor dourada. No aroma é muito frutada e já exala um frescor que se repete no paladar. Boa carbonatação e conforme a temperatura aumenta as notas de banana e cravo aparecem. Leve e muito refrescante, assim como no retrogosto. Ótima!

SALSICHAO

E na harmonização providenciada pelo Nook, bar que já virou quintal de casa, uma combinação que casou perfeitamente com a cerveja, salsichas alemãs com molho de mostarda levemente picante.

DaDo Bier IPA

IPA-DADO-BIER-02

Parece até que eu to puxando o saco deles, mas eu realmente me impressionei como as cerveja são lineares aos seus estilos. Nada é demais nem de menos. Essa IPA de 6,2% estava extremamente equilibrada. Só não lembrava uma English India Pale Ale porque o aroma das notas cítricas e maracujá estava ali presente em nossas narinas vindas do DryHopping. No aroma chega o dulçor do malte de mãos dadas com o cítrico e herbal dos lúpulos Cascade, Chinook e Ahtanum.

Excelente opção para quem está iniciando no mundo das IPAs porque os seus 58 IBU são extremamente equilibrados com o malte. O amargor está presente mas é bem envolvente na no paladar. O retrogosto deixa aquele sabor agradável do lúpulo da nossa IPA de cada dia.

DaDo Bier Belgian Ale

BELGIAN-ALE-DADO-BIER

Entrando no território das cervejas mais encorpadas continuamos seguindo uma linha bem linear nos estilos. Uma Belgian Strong Ale de 8,5% que foi se revelando conforme a temperatura subia um pouco. Um amarelo alaranjado que traz uma boa espuma, e notas mais doces no nariz que lembram fruta amarelas. Na boca é leve com presença do dulçor do malte e também do álcool, mas ambos sutis. Não é filtrada e de amargor leve. Aos poucos foi revelando mais aromas adocicados de um blend de cinco tipos de maltes e do álcool.

Importante mencionar que nenhuma cerveja tinha aquela característica que acabava ficando enjoativa após beber por um tempo. Por isso achei tão interessante o equilíbrio de todas elas.

E mais uma harmonização no caminho… uma delícia de Caponata de Berinjela!

CAPONATA-NOOK-BIER

DaDo Bier Red Ale

RED-ALE-DADO-BIER-01

Uma cerveja medalhista! Premiada com as medalhas de prata e bronze no South BeerCup esta Red Ale de 5,2% tem bela cor cobre avermelhada, aromas maltados, de levedura e mais adocicados puxando para o caramelo e bem agradável. O amargor é mais pronunciado mas pelo teor de malte fica bem equilibrado. A carbonatação é média e seu final é seco e mais frutado.

DaDo Bier Royal Black

ROYAL-BLACK-DADO-BIER-02

Sim, uma German Schwarzbier bem escura com seus 5,5% de álcool que já chegou na mesa exalando aromas amanteigados. Encorpada na boca se torna aveludada. O amargor é bem leve na casa dos 22 IBU mas já nos contaram que irão elevar um pouquinho essa pressão. Conforme a temperatura foi aumentando as características foram aparecendo, notas mais adocicadas de malte, torra e café. Também premiada com a medalha de prata no South BeerCup é uma cerveja bem saborosa.

DaDo Bier Double Chocolate Stout

choc

Eles ainda possuem uma Double Chocolate Stout produzida em parceria com a Kopenhagen, mas esgotou! Eu já havia provado esta há umas semanas atrás quando encontrei em uma loja da Kopenhagen, a presença do chocolate é bem intensa e um álcool bem pronunciado também!

E foi isso! Uma deliciosa noite de boas cervejas e bom papo! Realmente me surpreendi com a qualidade das cervejas e fico feliz que elas estejam chegando em peso ao Rio.

Nos adiantaram algumas boas novidades de novas cervejas vindo por aí, inclusive uma Witbier pra lá de interessante, totalmente diferente do que temos no mercado, vamos aguardar!

Tenho certeza que começaremos a vê-las estampando muitas prateleiras de bares por aí!

Vai, conta aqui o que você achou disso

%d blogueiros gostam disto: